EJA – EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS

          O Ensino para jovens e adultos (alfabetização – de 1ª. a 4ª. série) existe há vários anos em São João da Boa Vista. Na década de 70, chamava-se Mobral. Na década de 90, recebeu o nome de Fundação Educar! Depois recebeu o nome de Virando a Página.

          Em 1997 foi feita uma parceria com o Telecurso 2000 (que foi até 2002), onde o município passou a atender alunos de 5ª. a 8ª. série também, porém, não aplicava provas oficiais, nem certificava; era só um curso preparatório para avaliações externas. Na época, a cidade contava com 20 (vinte) salas de aula atendendo esses alunos!

          Somente em 2003, recebeu a atual denominação: EJA (Educação de Jovens e Adultos) e continuou atendendo alunos até a 8ª. série, porém os conteúdos de 5ª. a 8ª. séries seguiam a Rede Estadual de Ensino, uma vez que os alunos realizavam as avaliações externas de Suplência e ENCCEJA. Os professores da Rede Municipal passavam por um processo seletivo e atuavam por, no máximo, 2 anos.

         Aos poucos, a demanda foi diminuindo, restando apenas 8 salas, pois os alunos foram realizando as avaliações externas e concluindo o curso.

         Em 2018, o Tribunal de Contas solicitou à Prefeitura que atendesse apenas o Ciclo I - até a 4ª. série (hoje 5º. Ano), uma vez que, legalmente, a mesma não pode atender séries/anos do Ciclo II, pois os mesmos são de responsabilidade da Rede Estadual, que realiza este trabalho de forma mais completa, pois tem professores especialistas na disciplina e aplicam avaliações na própria sala de aula, oferecendo a certificação.

         Os professores não passam mais por processo seletivo. Aqueles que se interessam por essas aulas (conforme tempo de serviço), ganham carga suplementar, uma vez que já atuam na Rede Municipal como concursados efetivos do Ensino Fundamental ou Infantil.

        Portanto, temos atualmente quatro escolas da Rede Municipal, com uma sala de aula cada uma, atendendo uma média de 15 jovens e adultos cada, acima de 15 anos, em fase de alfabetização. São elas:

  • José Peres Castelhano (Bairro São Benedito)
  • Prof. Germano Cassiolato (Recanto dos Pássaros)
  • Dr. José Procópio do Amaral (Jd. Progresso)
  • Sarah Salomão (Jd. Primavera)

          As aulas acontecem de 2ª. a 5ª. feira, das 19:00 às 21:00, porém devido à Pandemia da Covid 19, o ensino  tem sido à distância através de whatsApp, vídeos, e-mails e entrega de atividades na própria escola. Tem sido um desafio muito produtivo! Os alunos estão amando passar por esta experiência nova!

          Fazemos divulgação todo início de ano na mídia da cidade e também no comércio, igrejas... próximos a essas escolas.

          Estamos aguardando o próximo Censo Demográfico para termos o número de analfabetos da cidade mais atualizado, mas temos os dados do Censo de 2010, em que nosso Município apresentava 4% de analfabetos.

          De acordo com o Censo Demográfico de 2010, o Município de São João da Boa Vista atingiu 96% de pessoas alfabetizadas, recebendo inclusive o SELO do MEC como Município Livre do Analfabetismo (Fonte: Jornal Gazeta de São João, 18 de junho de 2014 – foto no anexo).

(texto: Claudenice Lino)

Selo EJA

          No entanto, não nos acomodamos com este resultado! Queremos 100% de alfabetizados. Continuamos nosso trabalho, incentivando mais pessoas a voltarem aos estudos, uma vez que todos precisam estar inseridos na sociedade de forma digna e humanizada!